domingo, 18 de março de 2007

A eito.

Eu nom olho. Eu nom vejo. Miro.
Nom está bem utilizar as pessoas e pretender que nos liberem das nossas neuras.
Nom está bem.
Já nom é porque seja ou nom seja umha questom moral. Simplesmente é que nom funciona. Essas cousas nunca funcionam. Acontecem continuamente, continuamente a gente procura salvadores. No trabalho, em cousas, em pessoas sobretudo. Mas a cidade há de ir em ti sempre.
Porque claro que nom só a carne é fraca, também o espírito. (Ai, benditos prozac e valium!)
É um pouco como pedir beijos ou companha dando tiros para o ar. Às apalpadelas, á toa. Outro pouco é outra cousa.

7 comentários:

xurxocimadevila disse...

o unico que funciona din que é matarse a si mesmo... ou algo assim oin...

La queue bleue disse...

Neno, juro-cho, às vezes preocupas-me.
Vai haver que ouvir menos e escuitar mais :P (E sei hai que matar-se, que seja de gosto, por dios!)

XurxoCimadeVila disse...

matarse a si mesmo é umha coisa boa oh!

La queue bleue disse...

Heheheh, e se for em companhia, melhor :P

XurxoCimadeVila disse...

malditas noites de camas baleiras e...gloriosa companhia nalgunhas noites! Nom precisarás companhia esta noite? hehehe. é que esta noite a minha cama vai contar so comigo e coa minha amiga imaxinaria hehehehe.

La queue bleue disse...

Hehehehe, companhia sempre é bem-vinda!
Mas eu tb algumhas noites escolho algum amigo imaginario ;)
Se tal, podiamos combinar os quatro e fazer intercambio de parelhas :P
Hahahhahaa

XurxoCimadeVila disse...

non estaria mal, terei que consultarllo o problema é que é chapada a antigua, moi tradicional... non sei eu como sera,hehe.