quarta-feira, 5 de abril de 2006

Aqui estamos. Diria que tenho um burato nos bolsillos e que vou perdendo as palavras, mas realmente a vida é mto mais prosaica que tudo isso. O que tenho é algo de sono e se juntamos a isso a falta de efeitos psicotrópicos variados ou alcois diversos, pois pouco se me pode pedir. Nom comentei que voltara cortar o pelo? Si, hai duas semanas, e já noto q me medrou! Desde logo... isto é um sinvivir. :P
I ara que?

De resto... bom, cousinhas meio loucas diárias, mas isto nom é o "hola!" :P para dar mais info necessito molhar a boca com algo alcólico, ai ai...
Um destes dias hei de contar a história do tanga misterioso q apareceu debaixo da minha cama...

2 comentários:

O Congro disse...

A historia parez prometedora. Que seja umha saga!
Cando eu estudaba, tinhamos tamén um colgado no salón, que algún día lhe caera a umha vicinha, e nós diciamos que era um trofeo de guerra :-) Cousas dos pisos de homens.

La queue bleue disse...

hahahahaha, nom, a minha é 1 historiazinha de nada. E quanto a vizinhos q deixam cair cousas... o outro dia veu-nos o vizinho do 6º ou por aí, das alturas (nós tamos no primeiro), e colhe e peta à porta (pq nom nos funciona o timbre) para nos pedir um pincel e uns calçons que lhe cairam no pátio!! bonita combinaçom, n? pincel e calçons... E nom havia nem um nem outro... Nem no pátio nem em ningures! :O
Grande mistério! ;P