domingo, 28 de maio de 2006

Antes, qdo recorrias ao google para comprovar frequências ou até para saber, paranoias da vida-língua, se realmente aquilo que pensaras existia, se nom era produto das interferências da imaginaçom, e se o texto nom era jurídico ou técnico, se era dos mal chamados "creativos" (veja-se teoria da trad. ou IVA aplicável a cada tipo), normalmente senom o primeiro, o segundo resultado sempre era umha página porno. Umha vez assustei-me, eu que pensava que estava de volta de todas as perversons, porque ao buscar, nom me lembro bem, mas algo tipo "pierna lisiada" ou "cojo de una pierna", algo assi, o primeiro resultado, e mais o terceiro e algum outro por ali, eram de algum relato ou página porno...
The thing is que agora, agora o que sai é blogs, e mais páginas porno. De todos modos, e apesar de que já umha vez dixem que toda a arte é um tipo de exibicionismo, é claro que os blogs também tenhem bastante de porno. Nom tanto de arte. Salvo excepçons. Maravilhosas excepçons. Que às vezes encontras quando buscas no google se aquilo que pensaras existe, se aparece em 15.000 resultados ou em 3.

"Ah, and you should see 'em come round me of a Saturday night," Humpty Dumpty went on, wagging his head gravely from side to side, "for to get their wages, you know."

3 comentários:

Anónimo disse...

Super color scheme, I like it! Keep up the good work. Thanks for sharing this wonderful site with us.
»

Anónimo disse...

Your site is on top of my favourites - Great work I like it.
»

Anónimo disse...

Super color scheme, I like it! Keep up the good work. Thanks for sharing this wonderful site with us.
»